Caldeirão Político

Sexta-feira, 07 de Maio de 2021, 07h:38

Em plena pandemia, Tribunal vai comprar ternos e vestidos para seleto grupo de servidores

Fonte: O Jacaré

Apesar da grave crise financeira causada pela pandemia da covid-19, o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul decidiu comprar vestuário, como terno para os homens e vestidos para as mulheres. Conforme o edital de licitação, o valor a ser pago pela peça oscilará entre R$ 186,63 a R$ 1.458,33. O uniforme será fornecido para um grupo seleto de servidores.

 

A medida causou polêmica e teve repercussão nacional (veja matéria de O Antagonista) porque envolve dinheiro público e vai contemplar assessores com os maiores salários na corte. A uniformização do vestuário dos servidores faz parte da política do novo presidente do TJMS, desembargador Carlos Eduardo Contar.

 

O total gasto com esta primeira fase pode chegar a R$ 649,8 mil e deverá contemplar aproximadamente 300 funcionários, sendo 163 do sexo masculino e 132 do feminino. Isso significa que menos de 10% dos 3,5 mil funcionários vão ser beneficiados pelo pacote. O tribunal foi procurado para dar mais informações, mas não se manifestou.

Esta é a primeira vez que o TJMS decide comprar vestuário para os funcionários. De acordo com o edital, o produto será de primeira. A qualidade teria feito muitos servidores mudar de ideia sobre a proposta de usar uniforme.

A corte vai pagar até R$ 186,63 por uma blusa feminina estilo social, confeccionada de acordo com a medida de cada servidora, com tecido de “primeira qualidade que não deixe transparecer a cor do corpo” e com acabamento em costuras internas em “overloque” e que evite esgarçamento e descoturas.

O paletó masculino, avaliado em R$ 1.458,33, deverá ser confeccionado em 100% lã, com 165 g/m², modelagem super slim fit, ombreiras costuradas em algodão e construção em Jacquard. O vestido feminino, orçado em R$ 548,30, terá que ser confeccionado em tecido com construção sarja e composição 88% poliéster, 8% vi²scose e 4% elastano com 275 g/m² e forro interno com construção em cetim.

Confira o valor de cada peça e a quantidade a ser adquirida

Tipo Quantidade Valor máximo
Camisa masculina 163 R$ 286,63
Camisa feminina 132 R$ 284,55
Blusa feminina curta 132 R$ 186,63
Blazer masculino 27 R$ 1.458,33
Calça masculina 27 R$ 778,75
Calça masculina 137 R$ 318
Blazer feminino 264 R$ 770
Calça feminina 264 R$ 337
Vestido feminino 264 R$ 548,3

Os uniformes serão comprados para serem usados pelos servidores da presidência, da vice-presidência, da secretaria da magistratura e diretores da secretaria do Tribunal de Justiça. As propostas serão abertas no dia 17 deste mês.

O Sindjus (Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário) evitou entrar na polêmica porque ainda não discutiu o assunto com os filiados. “Neste momento, não existem informações concretas sobre a quem serão destinados os uniformes e demais detalhes. Não ocorrendo queixas formais de servidores sobre o assunto, que deverá ser debatido após os devidos esclarecimentos pelo TJMS”, pontuou o presidente da entidade, Leonardo Barros.

“O foco atual da categoria é em relação aos efeitos financeiros devastadores da Reforma da Previdência Estadual, a possibilidade de destruição do serviço público com a Reforma Administrativa e reivindicações dos servidores”, ressaltou, sobre a briga contra o aumento na alíquota de 11% para 14%.

Os modelos do uniforme top que serão adquiridos pelo TJMS (Foto: Reprodução)

Fonte: Brasil Notícia

Visite o website: www.brasilnoticia.com.br